Publicação da WHO/ONU Mulheres : “RESPEITO À MULHER: Prevenção da violência contra a mulher”

3 December, 2019

Estimados amigos do HIFA-PT,

considerando o *Dia Internacional da Eliminação da Violência contra a Mulher*, celebrado no dia 25 de novembro de 2019, apresentamos uma tradução livre do documento da WHO/ONU Mulheres - *RESPECT women: Preventing violence against women – key messages.*

A violência contra as mulheres é um grande problema de saúde pública enraizado na desigualdade de gênero e é uma violação grave dos direitos humanos das mulheres que afeta a vida e a saúde de milhões de mulheres e meninas. Com base nos princípios de respeito e igualdade e nas lições aprendidas com os resultados baseados em evidências sobre o que funciona para impedir que a violência ocorra e se repita, a Organização Mundial da Saúde (OMS) e a ONU Mulheres, em colaboração com outras dez Nações Unidas, bilaterais e multilaterais agências, desenvolveram “RESPEITO À MULHER: Prevenção da violência contra a mulher”.

Esta publicação fornece uma estrutura abrangente para informar aos formuladores e implementadores de políticas e sobre o desenho, planejamento, implementação, monitoramento e avaliação de intervenções e programas sobre prevenção e resposta à violência contra as mulheres.

A estrutura descreve sete estratégias de intervenção inter-relacionadas derivadas da palavra "RESPECT":

R ( Relationships)- habilidades de relacionamento fortalecidas

E (Empowerment)- empoderamento das mulheres

S (Services)- Serviços garantidos

P (Poverty) - pobreza reduzida

E (Environments)- Ambientes seguros

C (Child)- prevenção do abuso de crianças e adolescentes

T (Transformed)- Atitudes, crenças e normas transformadas

“RESPECT women”, delineia medidas para uma abordagem de saúde pública e direitos humanos para ampliar o programa da prevenção da violência contra as mulheres.

Globalmente, uma em cada três mulheres ou mais de 800 milhões em todo o mundo experimenta violência física e / ou sexual por um parceiro íntimo ou violência sexual por qualquer pessoa ou grupo. Muitas outras também sofrem abuso psicológico. Onze agências bilaterais e multilaterais da ONU uniram forças para lançar o RESPECT, uma estrutura para facilitar a ampliação de estratégias baseadas em evidências para prevenir a violência contra as mulheres.

A eliminação da violência contra mulheres e meninas é essencial para alcançar a igualdade de gênero e o empoderamento das mulheres, o Objetivo de Desenvolvimento Sustentável (ODS) 5 e outros ODS.

A prevenção bem-sucedida requer compromisso político e liderança; implementar leis e políticas que promovam a igualdade de gênero; investir em organizações de mulheres; e alocar recursos para prevenção. Requer também abordar as múltiplas formas de discriminação enfrentadas pelas mulheres.

As sete estratégias não devem ser vistas como silos. Programas bem-sucedidos geralmente implementam intervenções que se enquadram em mais de uma das sete estratégias.

As intervenções selecionadas precisam ser adaptadas ao contexto, monitoradas e avaliadas antes de serem ampliadas.

Os elementos comuns de intervenções mais promissoras se concentram em: segurança das mulheres; abordar relações desiguais de poder de gênero; utilizar abordagens participativas que estimulam a reflexão crítica sobre o poder e fortalecem a voz e a agência; e também facilitar parcerias entre organizações e setores.

O fim da violência contra as mulheres começa com o RESPEITO e um compromisso coletivo de agir hoje.

Links para os documentos originais:

a) Key-messages: https://apps.who.int/iris/bitstream/handle/10665/324967/WHO-RHR-19.11-en...

b) Publicação completa em inglês: https://apps.who.int/iris/bitstream/handle/10665/312261/WHO-RHR-18.19-en...

Nossos melhores cumprimentos a todos que fazem parte do HIFA-PT.

Pollyanna Patriota, moderadora auxiliar do HIFA-PT, doutora em Nutrição, mestre em Saúde Materno-Infantil, e graduada em Nutrição. É ainda revisora da Revista Pan-Americana de Saúde Pública (OPAS), British Medical Journal e Public Health Nutrition.